BoosterAgro Blog

Categoria:

Entenda qual o papel da previsão do tempo para a colheita do trigo

Veja como a previsão do tempo pode te ajudar a se preparar melhor para a colheita e pós-colheita do trigo

O cultivo de trigo no Brasil está presente em partes das regiões Sudeste, Centro-Oeste, e Nordeste, porém é na região Sul que a maior parte da produção nacional é realizada.

Isso ocorre, principalmente, pelo clima da região Sul apresentar temperaturas mais amenas, que são adequadas para o melhor desenvolvimento desse cereal de inverno.

No entanto, além de um clima favorável ao longo da safra, também é importante ficar atento na hora da colheita.

Essa etapa é fundamental para assegurar a qualidade final do grão, evitar perdas e garantir a produtividade da lavoura.

Nesse sentido é importante se planejar para os fatores que podem afetar a realização dessa etapa, como por exemplo utilizar a previsão do tempo para colheita do trigo com mais segurança.

Então, veja a seguir, o momento ideal para realizar o processo, assim como os cuidados necessários para ter uma colheita sem problemas.

Qual o momento ideal para a colheita do trigo?

Para ter sucesso na safra do trigo é necessário planejar o momento ideal da colheita desde antes do plantio.

Com a data de plantio e sabendo-se o ciclo da cultura é possível estimar o período que ocorrerá a colheita. 

Desta forma, é possível planejar uma semeadura dentro da janela de plantio no qual implicará na colheita ocorrendo em um período com menos chances de condições meteorológicas adversas, assim como um período que não atrase a safra seguinte.   

Para saber a janela de plantio do trigo para a sua região verifique a recomendação do Zoneamento Agrícola de Risco Climático (ZARC) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

Você também pode ver as instruções sobre isso em outro artigo sobre os cuidados para o plantio do trigo.

De acordo com o ZARC, a colheita do trigo deve ocorrer entre 110 e 160 dias após a semeadura, dependendo do ciclo da cultivar e localidade plantada.

Calendário de plantio e colheita do trigo
Calendário de plantio e colheita do trigo (Fonte: Adaptado de Conab)

Cuidados essenciais na colheita e pós-colheita do trigo

Fatores como o peso do hectolitro (peso dos grãos por unidade de volume, ou seja, quilograma/hectolitro), a porcentagem de impurezas e a porcentagem de defeitos, influenciam no valor final do trigo.

Portanto, é necessário ficar atento a alguns processos na hora da colheita e pós-colheita para evitar prejuízos.

Umidade dos grãos

A umidade final dos grãos é um dos principais pontos de atenção, pois, os processos de pós-colheita como secagem e armazenamento do grão dependem dessa condição.

Assim, para evitar perdas e a necessidade da secagem do grão, o recomendado é que a colheita seja feita de forma que se encerre com a umidade dos grãos próxima dos 13%.

A colheita pode até ser realizada com teores de umidade do grão maiores, porém nesse caso o ideal é que os grãos de trigo passem pelo processo de secagem antes do armazenamento.

Essa antecipação da colheita pode ocorrer por diversos fatores, dentre eles, escapar de chuvas que possam ocorrer na maturação plena, evitando-se assim problemas.

Regulagem das colheitadeiras

Para evitar tanto a perda, como defeitos nos grãos é preciso realizar a regulagem das colheitadeiras corretamente.

Essa regulagem irá depender da umidade do grão do trigo e da altura das plantas. Para efetuar isso corretamente, é importante seguir as instruções do manual do fabricante. 

Os teores de umidade do grão podem variar à medida que a colheita é realizada, sendo necessário fazer novas regulagens.

Além disso, também é importante se atentar ao alinhamento e à afiação das navalhas de corte e à velocidade do molinete.

Secagem

Após a colheita do trigo, os grãos devem passar por um processo de limpeza, retirando pedaços quebrados e impurezas.

Em seguida, caso a umidade dos grãos não esteja no limite indicado para armazenamento – que é da ordem de 13% – inicia-se a secagem de trigo. 

A secagem é o processo para diminuir o teor de umidade do grão para garantir o armazenamento seguro por mais tempo.

Em lotes com mais de 16% de umidade, sugere-se a secagem lenta, pois a remoção da umidade dos grãos de maneira muito rápida pode gerar danos físicos no grão. 

Armazenamento

O teor de umidade ideal para conseguir armazenar o trigo por mais tempo é de 13%.

Isso porque, teores de umidade dessa ordem e temperaturas mais amenas colaboram para evitar a oxidação dos grãos e a aparição de pragas como fungos e insetos.

De acordo com o relatório de informações técnicas para trigo e triticale da safra 2022, os principais aspectos que devem ser cuidados no armazenamento do trigo são:

  • As pragas, que danificam os grãos e isso consequentemente pode, por muitas vezes, dificultar a comercialização;
  • Os fungos, que podem produzir micotoxinas prejudiciais à saúde de humanos e de animais;
  • Os fatores que influenciam a qualidade tecnológica, como a aparência, sanidade, limpeza e qualidade da moagem.

A previsão do tempo no planejamento da colheita do trigo

Estar atento à previsão do tempo na hora da colheita é crucial para evitar perdas quantitativas e qualitativas.

Com a previsão do tempo é possível evitar períodos chuvosos e períodos com temperatura e umidade irregular.

As chuvas em geral, podem alterar a umidade dos grãos e das palhas, fazendo ser necessário realizar novas regulagens nas colheitadeiras.

chuvas mais fortes, granizo ou vendavais também podem danificar os grãos e as plantas.

Além disso, chuvas em excesso com o trigo em maturação plena causam a redução do peso do hectolitro (PH).

O peso do hectolitro reflete o rendimento de farinha dos grãos, por isso, valores menores geram um trigo de menor qualidade.

a temperatura alta aumenta o metabolismo e junto com disponibilidade alta de umidade pode favorecer a germinação de sementes na espiga.

Usando a BoosterAgro na colheita do trigo

Com o aplicativo da BoosterAgro é possível ver a ocorrência de chuvas por imagem de satélite ocorridas nas últimas horas e o esperado para as próximas horas.

A importância da previsão do tempo na colheita do trigo | BoosterAgro
Monitoramento da lavoura com o app da BoosterAgro. Baixe o aplicativo GRATUITAMENTE e conheça.

Além disso, é possível ver o acumulado de chuva dos últimos 7 dias, provenientes de registros pluviométricos dos usuários.

A importância da previsão do tempo na colheita do trigo | BoosterAgro
Monitoramento da lavoura com o app da BoosterAgro. Baixe o aplicativo GRATUITAMENTE e conheça.

Por fim, há disponível a previsão de chuva, temperatura do ar, umidade relativa do ar e outras variáveis de diversos serviços de meteorologia.

A importância da previsão do tempo na colheita do trigo | BoosterAgro
Monitoramento da lavoura com o app da BoosterAgro. Baixe o aplicativo GRATUITAMENTE e conheça.

A BoosterAgro disponibiliza a previsão do tempo para tornar a colheita do trigo e de outras culturas mais segura e eficiente.

Conclusão

Após todo o custeio e os investimentos ao longo da safra, não dá para correr o risco de perder eficiência logo na colheita.

Por isso, monitorar as condições meteorológicas como a ocorrência de chuvas, temperatura e umidade relativa do ar, é fundamental.

É possível fazer isso com o aplicativo da BoosterAgro. Então, baixe GRATUITAMENTE e veja por você mesmo.

Baixe o app da BoosterAgro e monitore as condições do tempo na sua lavoura

Compartilhe nas redes sociais!

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Conteúdos relacionados

Simplifique seu dia a dia no campo com nosso app!
Posts recentes

Quer receber os conteúdos por Whatsapp?